quinta-feira, 28 de janeiro de 2021

Voltar

Operação Acolhida e Interiorização + Humana são destaques de painel; saiba como participar

28012021 Yuli TeranA Confederação Nacional de Municípios (CNM) desenvolve vários projetos em parceria com entidades e governos para melhorar a qualidade de vida das pessoas. Algumas dessas ações estão voltadas ao acolhimento de migrantes e refugiados venezuelanos por meio do Interiorização + Humana e da Operação Acolhida. Detalhes dessas iniciativas foram apresentados ao público dos Seminários Novos Gestores – Edição Sul na manhã desta quinta-feira, 28 de janeiro.

Desde o início de 2019, a Confederação trabalha a temática migração e incentiva os gestores municipais a aderirem à recepção dos vizinhos sul-americanos e os auxilia no processo. A atuação da CNM foca na acolhida humanizada para interiorização dos migrantes e refugiados nas cidades brasileiras. A entidade entende que a descentralização dos migrantes de Estados da região Norte – principalmente os da região de fronteira com a Venezuela – também vai permitir a sensibilização de outros gestores sobre a migração e mais oportunidades.

A CNM atua intensamente nessa campanha. Em 2019, a entidade acolheu duas migrantes venezuelanas no quadro de colaboradores em Brasília. A venezuelana Yuly Teran - técnica do Núcleo Social da CNM - é uma delas. Em sua participação no painel, ela destacou como a ação foi fundamental para a sua vida. “Em 2017, eu entrei no Brasil pela fronteira com o Município de Pacaraima e fiquei em Boa Vista. Nesse tempo, eu não tive oportunidade de um emprego formal. Foi então que em novembro de 2018 eu consegui ser interiorizada em Brasília. Em abril de 2019, a CNM me deu essa oportunidade de reconstruir a minha vida com emprego, carteira assinada, que me permite ajudar a minha família na Venezuela”, relatou.

A palestrante lembrou que, no mesmo ano, a CNM assinou protocolo com governo federal e agências da Organização das Nações Unidas (ONU) para incentivar a acolhida de venezuelanos no Brasil. A CNM faz o papel de apoio técnico, promove ações articuladas com a União e os Municípios para identificar e viabilizar vagas para a acolhida, sensibiliza e orienta os gestores municipais, com a Secretaria Especial de Assuntos Federativos da Secretaria de Governo da Presidência, e divulga campanhas de mobilização, além de elaborar material informativo para adesão à campanha.

Segundo os dados da Agência da ONU para Refugiados (Acnur) e a Organização Internacional para as Migrações (OIM), são mais de quatro milhões de refugiados e migrantes venezuelanos. A colaboradora da CNM solicitou ao público que possa dar atenção a outros conterrâneos na mesma situação. “Gestor, faça a diferença. Aja de maneira acolhedora. Os migrantes e refugiados são famílias que precisam de uma oportunidade para recomeçar a sua vida nesse país acolhedor assim como eu tive”, solicitou Yuly Teran. Acesse aqui mais informações sobre a Campanha Interiorização + Humana.

Leia Mais
Plenária apresenta Cidades Inteligentes e Inovação na gestão pública a gestores da região Sul

Último dia dos Novos Gestores reúne especialistas para debater o endividamento e encontro de contas

Por: Allan Oliveira
Da Agência CNM de Notícias

 

 

Como acessar a transmissão

Cadastre

Primeiro, faça a sua inscrição de acordo com a sua região

Confira

Veja em seu e-mail a homologação da inscrição com o link para acesso ao auditório virtual

Participe

Pronto, é só clicar no link no dia do evento! Mas lembre-se, é necessário ter o aplicativo Zoom instalado para isso download aqui

© Copyright 2021 Confederação Nacional de Municípios. Todo conteúdo do site pode ser reproduzido, desde que citada a fonte.